sábado, 18 de fevereiro de 2017

Vida Maria


O filme mostra uma realidade que ainda existe não só no Nordeste mas também em muitos lugares do BrasilRetrata a vida de Maria, uma criança que aprendeu a escrever seu nome e aparentemente estava muito feliz em escrevê-lo, mas sua mãe não achava que isso era bom para ela, pois, para sua mãe, o importante era que Maria ajudasse nos afazeres de casa, ou seja, que ao crescer tivesse uma vida como a de sua mãe.

Na cabeça de Márcio (o criador de “Vida Maria”), tudo começou em 1999. Foi quando ele já pensava em fazer animação. Todavia, a vida de publicitário não deixava que esse projeto fosse adiante. Dois anos atrás (2015), depois de conversar com o diretor cinematográfico *Joe Pimentel, resolveu começar o projeto. Para tanto, buscou ir além de entrevistar pessoas do interior cearense, pois ele conviveu realmente com essas pessoas para criar um raio-x, contato em oito minutos, do interior nordestino. 

Animação – “Vida Maria” - Visão Técnica:

São apresentadas no filme imagens que mostram uma semelhança muito grande com a realidade, traços bem parecidos com o real, suas cores e formatos muito bem escolhidos. Acoplando isso tudo com a tecnologia 3D, nos mostra como tudo não é apenas um filme e sim nos trás para a realidade que vivenciamos no dia a dia, apesar de ser com menos frequência, mas existe da mesma forma que é relatado no curta. Por fim, conforme já dito, o autor, com as combinações de cores, traços, seus formatos e aspectos, consegue colar os olhos do público, por ser bem elaborado e nada mais do que a pura realidade.
 Fonte: livrespensadores.net

Evasão Escolar